2006-09-10

Três verdades que ninguém diz (2)


Burrinhos, burrinhos... Sempre existiram e sempre existirão. Teremos é que aprender a conviver com uma proporção cada vez maior deles. Uma verdadeira pena. Há outra raça, muito relacionada com os burros, que no Brasil se chama petista. Bom, eles não tem a exclusividade deste modelo: existem também os psolistas. De certa maneira os psolistas acabaram purificando os petistas. Explico: um petista só pode ser burro ou mal-intencionado. O PSOL puxou os burros... quem sobrou no PT?

Aqui vamos então para a segunda verdade que ninguém diz:
Os comunistas do Brasil nunca viveram em um país comunista.
Fica ainda mais difícil agora, né? Comunista mesmo só sobraram Cuba e Coréia do Norte. E, claro, estes países são um atraso só. Acontece que eu conheço pessoalmente muita gente que viveu em países comunistas. Não só conheço, como já visitei, mas felizmente perdi a parte mais violenta do regime. Na Hungria, os oficiais do partido visitavam casa por casa para contar o número de casacos. Quem tivesse mais casacos do que o oficialmente considerado necessário era convidado gentilmente a "doar" os casacos adicionais para a causa comunista. Baixaria, né? Não acaba aí não. Quem tinha um pedaço de terra, por menor que fosse, era visitado pelos oficiais do partidão que contavam as vaquinhas e os porquinhos e decidiam quantos companheiros iam trabalhar fraternalmente nas terras do coitado do dono. E quem reclamasse? Tiro na testa. Simples assim. Aos poucos, alguns países foram afrouxando essas regras estúpidas, foram percebendo que se deixassem as pessoas trabalhar pelo próprio sustento a economia melhorava. A Hungria afrouxou mais. A Romênia e Cuba menos. Resultado: Em Cuba e Romênia o comunismo fez com que a população passasse fome. Perguntem por que os Cubanos amarram uma bananeira em um saco de lixo e tentam remar até a Flórida. Antes Cuba era um prostíbulo dos Estados Unidos, segundo Fidel. Agora é um prostíbulo do México... O problema é que os mexicanos deixam ainda menos dinheiro no bordel.

Claro que os nossos comunistas são mais espertos que os dos outros, não é mesmo? No Brasilzão não será assim não: não dá para fugir de balsa para lugar nenhum. O povo brasileiro é solidário e não precisa de casacos. Não haverá nenhum tipo de violência ou discriminação, não é mesmo? O Brasil comunista vai ser um maravilhoso Eldorado, vai fazer ressurgir a esperança de todo mundo que achava o comunismo um sistema falido. É, talvez tenha um pouco de violência no campo, o MST está com tudo... O PCC também, as favelas estão dominadas... Mas é claro, o Brasil é muito melhor que a Romênia. Nem se compara com Cuba. Ainda bem...

O que vamos fazer? Os burros continuam se reproduzindo. Os comunistas brasileiros escrevem na Folha de São Paulo. Ou são burros ou mal-intencionados. E os mal-intencionados empurram os burros para o matadouro.

Continua...clique aqui.

2 comentários:

Bira disse...

eu fico doido para usar esses argumentos mas a caçada as bruxas começou. A PF está fazendo uma devassa em blogs.
Cuidado com opiniões sem provas.

Zappi disse...

Caro Bira:

Opiniões nunca precisam de provas. Acusações sem provas? A especialidade do Partido dos Trambiqueiros?