2008-12-07

Brasil? Não visite!

Saiu finalmente o relatório do caso do acidente do Boeing da Gol que se chocou em pleno ar com um jato Legacy. Como eu já imaginava aqui, a culpa foi dos controladores brasileiros. Ah, mas o que é que as manchetes dizem? "Pilotos do Legacy desligaram transponder".

Vou explicar novamente porque esse acidente aconteceu. Os pilotos do Legacy receberam instruções para permanecer na mesma altura durante todo o voo de São Paulo até Manaus. Eles teriam que mudar de altitude após sobrevoar Brasília, mas as instruções dadas por um controlador de voo ignorante foram diferentes do plano de voo recebido. Até aí tudo bem, já que os controladores de voo deveriam orientar os pilotos se houvesse qualquer problema. Os pilotos tentaram falar com a torre de Brasília, mas os controladores de voo ignorantes não conseguiram comunicar as frequências que deveriam ser utilizadas pelo Legacy. Também! Não sabem falar inglês, as bestas quadradas. Para justificar que não atenderam às chamadas insistentes do Legacy, os controladores de voo disseram que outro avião acionou o rádio ao mesmo tempo. Posso até imaginar: entre uma chamada em inglês e outra em português, adivinhem qual a anta controladora de voo vai atender primeiro?

Não termina aí a epopéia. Um controlador de voo idiota falou para o que o substituía: esse avião aí está na altitude correta, quando não estava. Tampouco estava com o transponder ligado. Vocês acham que um controlador de voo vagabundo ia tentar se comunicar com o avião, para ver o que estava acontecendo? Nem pensar!

Talvez o Legacy não tivesse se chocado com o Gol se o transponder estivesse ligado. Entretanto, com um sistema de controle de tráfego aéreo podre como esse, os acidentes ainda não aconteceram por pura sorte. Culpar os pilotos pelo acidente é um absurdo.

Não é demais lembrar que os controladores de voo, ignorantes e incompetentes, são também extremamente petralhas. A greve de controladores que parou a aviação civil no Brasil é só mais um elemento para temperar a fantástica salada de imbecilidade que reina em Lulalândia. Imbecilidade que também está sempre acompanhada de má vontade.

Ignorância mata. E como não se combate, vai matar mais ainda.

4 comentários:

Marcelo disse...

Não tem o que fazer. A imprensa daqui consegue distorcer até o relatório da FAB. Teve até CPI "invesitgando" esse acidente... O petralha que foi relator da CPI quer os americanos presos... Ora, pq. o sistema de controle de tráfego aéreo não desviou os demais tráfegos de um avião que estava sem transponder??

Zappi disse...

Bem lembrado, Marcelo!

pait disse...

O pior foi o comentário do novo diretor da Infraero, brigadeiro Cleonilson Nicácio Silva: "é questão de tempo para que tragédias voltem a ocorrer, porque errar é humano." Acidentes podem ser evitados. Se fossem inevitáveis, teriam a mesma freqüência em qualquer país.

C. Mouro disse...

É curioso como pilotos, mesmo experientes, fazem tolices:

Num caso o tal transponder foi desligado pelo maluco do piloto. ..Porra, para quê? ...Por que???

No outro o piloto manobrou errado as manetes (coisa que se não é impossível é quase).

PQP! ..no próximo acidente a culpaserá dos pilotos também, por não terem abixado o trem de pouso ou por terem desligado os motores ...talvez para dormirem melhor. ...PQP!!!

Abs
C. Mouro