2007-05-23

O comunismo vagabundo de Lula

Tenho ouvido muitas vezes que o PT falhou, que o Lula tentou implantar um comunismo vagabundo no Brasil e tudo descambou para a fisiologia. Ouvi dizer também que o comunismo não "pega" no Brasil, que os brasileiros são muito acomodados.

Olhamos para o Hugo Chavez na Venezuela e comparamos com o Lula. O Chavez até fechou um canal de televisão porque se opunha ao seu governo. O Lula não. As instituições no Brasil são fortes.

Fortes?

Poucas pessoas se dão conta de que o comunismo é vagabundo por definição. A corrupção faz parte da essência do sistema. O Lula é o vagabundo por excelência. Ajeita aqui, rouba acolá, desvia outro tanto dali. O Banco do Brasil? Intocável. A Petrobrás? Nem pensar! Infraero? Segurança nacional. As fontes devem sempre permanecer intactas.

Quem diz que o Lula não é o líder que vai levar o Brasil ao desastre comunistóide está sonhando. Nunca antes nesse país se viu um festival de greves tão coordenado, tantos agitadores bem treinados pelo MST. A zorra é pré-requisito da revolução. Vagabunda, porque comunista.

Os que idealizam a revolução do proletariado imaginam líderes idealistas, levando seu povo a algum magnífico e utópico destino e massacrando seus oponentes. Acontece que não é bem assim.

A história de Mao-Tse Tung mostra que não funciona desse jeito. Mao começou recebendo grana da rússia para formar agitadores, como o Lula recebeu grana de sindicatos europeus para formar grevistas e como recebeu grana de Cuba e do Valérioduto. Tudo muito parecido. A vagabundagem é idêntica.

Acontece que Mao não fazia muito com o dinheiro que recebeu dos Russos. Como o Lula, que não trabalhou por décadas e que no seu governo não faz nada. Mao preferiu fazer uma coligação com um grande partido na China, os republicanos, que foram infiltrados com comunistas. Igualzinho ao Lula e o seu congresso, o grande partido PMDB, e os aliados infiltrados no PSDB.

Mao decidiu voltar os camponeses pobres da China contra os remediados. "Não devemos mexer com os ricos", ponderou sabiamente, "eles nos massacrariam". O Lula está desenvolvendo a mesma estratégia, os descamisados contra a classe média, redefinida pelo IBGE como um pobre um pouquinho menos ferrado. Tão parecido que parece copiado.

Mao ficou muito impressionado com a capacidade que a violência tem para calar os dissidentes. Viu massacres de camponeses por bandidos do mais baixo calão e entendeu que poderia capitalizar o terror espalhado por estes. Viu o olhar de terror nos rostos das famílias agredidas, dos patriarcas torturados e mortos. Mao achou muito interessante. O Lula só fica furioso quando alguém quer que a justiça seja aplicada aos bandidos. Quando arrastaram um pobre menino no Rio de Janeiro ele foi o primeiro a defender... os bandidos. Uma parte importante da estratégia é que o terror não seja espalhado pelo Estado e sim pelos "bandidos comuns" com aprovação tácita. Mao sabia, Lula copia.

Cada vez que ouço que o PT não vai conseguir implantar o comunismo no Brasil porque é um partido cheio de maloqueiros que não sabem o que estão fazendo, respondo: "Como vocês acham que o comunismo é implementado? Com maloqueiros vagabundos e agitadores descontrolados. Sempre foi assim, e o PT está indo muito bem.

Atenção ricos: não fiquem só olhando. Assim que o poder estiver integralmente nas mãos do Lula, ele vai começar a atacar vocês. Se tiverem alguma dúvida leiam a biografia de Mao. Cliquem abaixo para comprar na Livraria Cultura. É melhor tomar decisões informadas. É melhor prevenir do que não poder remediar.



8 comentários:

O Lobo disse...

É isso mesmo, Zappi!
Estranho esse silêncio das classes superiores com referência a Lula. O grande timoneiro bebum age tranquilamente e ninguém diz nada. Dá a entender que a classe de empresários está conivente com Lula. Por algum lucro fácil agora irão pagar um preço bem caro mais tarde!

Bira disse...

Lider?
De quem?
HAHAHAHAH

Zappi disse...

Bira:

Lider dos maloqueiros, ora. O poder de destruição dessa gente não tem limites. Não faz falta dizer que a capacidade criativa deles é zero...

Ricardo disse...

Como sempre, a generalização é o mais fácil. Não sou defensor de ninguém, mas falar que Lula se elegeu pelo comunismo é um absurdo. Os fanáticos neos liberais ficam inconformados em saber que quem colocou Lula no poder foram as classes menos favorecidas (com seus intereses é claro não por ideologias) e fecham os olhos para aquilo que lhes é incompreensível: como é que o país pode estar ainda funcionando? Ou torcendo para que tudo fique uma merda.

Zappi disse...

Caro Ricardo

O país funciona? A China nunca parou de funcionar, nem a Rússia comunista. Nem o Chile de Allende. Nem a Cuba de Fidel. Nem mesmo a Coréia do Norte. Todos estes países funcionam e funcionaram do seu próprio jeito, alimentando mal ou bem seu povo e enriquecendo os seus líderes.

Os chamados "movimentos sociais" não são mais do que agitadores tentando forçar ideologias políticas e atacar opositores do partidão.

A defesa dos bandidos também faz parte de um conjunto de características de um partido comunistóide. Qual a razão de não querer bandidos presos se não for a de promover terror usando o PCC como 'terceirizado'?

Não se preocupe, o Brasil não vai parar totalmente. Só vai ficando mais devagar em tudo, é só comparar com qualquer país em mãos dos tais "fanáticos" neo-liberais.

Bira disse...

Ponha zero nisto.
Copiaram quase tudo de FHC, até coisas pouco éticas.

Enorme disse...

Senti que quem fala aqui contra o comunismo mal sabe o que essa palavra significa. Ao menos, antes de falarem informem-se, não custa nada e arejam as ideias. Não significa que depois de lerem a filosofia por detras do comunismo, fiquem adeptos dele mas pelo menos ficariam a perceber que certos países que se dizem de regime comunista não o são. Sei que é mais fácil a atitude de rebanho, sem pensar muito e sem grandes discussões ideológicas, engolindo toda a má informação que é posta no prato, falar mal de algo que se desconhece é mau e muito fácil. Voltando atrás... nem tudo o que se diz comunista o é e temos muitos casos desses.. Vou dar um exemplo simplista mas que acho que é facil de entender: Eu sei o que é um pastel de nata (Adoro pasteis de nata!) e sei como é. Agora alguem quer fazer um pastel de nata mas faz a sua maneira ou não faz como deveria fazer, ele pode dizer que sim é um pastel de nata e quem não sabia o que é realmente um pastel de nata irá acreditar, apesar de não ser igual, talvez até parecido, pior ou melhor, mas não é igual..
O Comunismo é um conjunto de ideias filosoficas, económicas, politicas e sociais. Agora cada um pode pegar nisto e moldar à sua maneira e dizer que é Comunismo mas se não tiver a mesma filosofia, nunca o será. Agora voces podem dizer, "mas há varias escolas a nivel da filosofia comunista!", pois há! Como pode haver varios tipos de pasteis de nata (Ca estou eu a falar deles..) mas haverá sempre o genuíno. Bem.. por agora é tudo.

Anônimo disse...

... e facil defender as classes favorecidas pela internet ..seu ponto de vista e mediocre
pouco formulado falou falou falou
e nao disse nada .uma revolução nao se faz por encomenda
tudo tem sua hora .
salve camaradas^^